Ronaldinho e o irmão são presos no Paraguai

Decisão foi tomada para evitar que os dois possam sair do país devido a uma investigação sobre uso de documentos falsos

Ronaldinho e o irmão são presos no Paraguai
Ronaldinho Gaúcho prestou depoimentos por mais seis horas no País (Foto: Jorge Adorno/Reuters)

Ronaldinho Gaúcho e o irmão Assis foram presos na noite desta sexta-feira, 6, em Assunção, no Paraguai. A ação no hotel Sheraton foi realizada por ordem de Milko Valinotti, juiz criminal de Garantias, a pedido da Procuradoria-Geral. A decisão foi tomada para evitar que os dois possam sair do país devido a uma investigação sobre uso de documentos falsos.

O ex-jogador e o irmão foram encaminhados para o Agrupamento Especializado, em Assunção, para aguardar o andamento do processo. "A ordem de detenção foi cumprida", afirmou Gilberto Fleitas, chefe da unidade de investigações da polícia paraguaia. A prisão contou ainda com participação de Osmar Legal, fiscal da unidade de lavagem de dinheiro do Paraguai.

https://esporte.band.uol.com.br/